Delação da Odebrecht: Lindbergh é suspeito de receber R$ 4,5 milhões de caixa 2

Senador Lindbergh Farias (PT-RJ)
(Foto: Jefferson Rudy-Agência Senado)
Inquérito aberto pelo ministro Fachin se baseia em pedido de Janot baseado em colaborações de executivos da construtura. Senador diz estar convicto no arquivamento.
O senador Lindbergh Farias (PT-RJ), um dos alvos de investigações autorizados pelo ministro Luiz Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), é suspeito de receber valores que somam R$ 4,5 milhões de caixa 2, pagos pelo Grupo Odebrecht.
A abertura do inquérito foi requerida pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, após declarações dadas pelos colaboradores Benedicto Barbosa da Silva Júnior e Leandro Andrade Azevedo, executivos da Odebrecht.
De acordo com o Ministério Público, os colaboradores relataram que o senador recebeu vantagens indevidas não contabilizadas durante a campanha eleitoral dos anos de 2008 e 2010, nos valores respectivos de R$ 2 milhões e R$ 2,5 milhões.
Lindbergh Farias, que era identificado no sistema “Drousys” – o sistema de controle de propinas da Odebrecht – como "Feio" e "Lindinho", recebia os repasses por meio do Setor de Operações Estruturadas do Grupo Odebrecht, segundo os delatores.
Ainda de acordo com os colaboradores, em troca das doações, o senador, que na época era Prefeito do Município de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, beneficiou a empresa Odebrecht em contratos administrativos relacionados ao programa “Pró-Moradia”.
O que diz Lindbergh?
O senador diz estar convicto no arquivamento. Veja a nota:
“Mais uma vez confiarei que as investigações irão esclarecer os fatos e, assim como das outras vezes, estou convicto que o arquivamento será único desfecho possível para esse processo. Novamente justiça será feita”.

Por G1 Rio
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

RIO DAS OSTRAS 25 ANOS

RIO DAS OSTRAS 25 ANOS

PATROCINADOR

PUBLICIDADE