Reforma da Previdência: não há condições de avançar, diz relator

© Estadao Conteudo Rapaz segura carteira de trabalho na fila
de pessoas que procuram emprego no Centro de Solidariedade ao
 Trabalhador da Força Sindical
O relator da reforma da Previdência na Câmara, deputado Arthur Maia (PPS-BA) disse nessa quinta-feira que não há condições de o projeto ser discutido no Congresso por causa da turbulência política. O parecer da PEC que altera as aposentadorias foi aprovado pela comissão especial sobre o tema e aguardava para ser votado no Plenário da Casa.
O deputado considera que a denúncia contra o presidente Michel Temer, acusado de ter dado aval à compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) impedem o avanço da matéria no momento.
 “De ontem para cá, a partir das denúncias que surgiram contra o presidente da República, passamos a viver um cenário crítico, de incertezas e forte ameaça da perda das conquistas alcançadas com tanto esforço”, disse Maia em nota à imprensa.
A reforma da Previdência é considerada prioridade pela equipe econômica de Temer. Maia não informou, contudo, se houve novo acerto com a direção da Câmara ou com o Planalto a respeito da tramitação do projeto. Segundo o parlamentar, a hora é de “arrumar a casa”.

Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

RIO DAS OSTRAS 25 ANOS

RIO DAS OSTRAS 25 ANOS

PATROCINADOR

PUBLICIDADE