Ministro da Justiça anuncia reforço da Força Nacional e da PRF no Rio

"Já dispomos de 125 integrantes [da Força Nacional no Rio] e
 iremos reforçar essa participação através de mais 100 neste
primeiro momento”. afirmou Serraglio
Osmar Serraglio disse que, em reunião, Temer solicitou medidas para conter a crise de segurança no estado. Governador Pezão pediu ao governo federal o envio de homens.
O ministro da Justiça, Osmar Serraglio, anunciou nesta quarta-feira (3) envio de homens da Força Nacional e da Polícia Rodoviária Federal para atuar na crise de segurança pública no Rio de Janeiro.
A decisão, segundo ele, foi tomada em reunião com o presidente Michel Temer, no Palácio do Planalto. De acordo com o ministro, o presidente ligou durante a conversa para o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, que solicitou o reforço de homens.
"Já dispomos de 125 integrantes [da Força Nacional no Rio] e iremos reforçar essa participação através de mais 100 neste primeiro momento. E também há um pleito relativo à Polícia Rodoviária Federal", afirmou Serraglio em pronunciamento no Palácio do Planalto.
Ainda de acordo com o ministro, setores de inteligência identificaram que a Via Dutra é um dos pontos que mais precisam do reforço de policiais rodoviários, por ser rota de tráfico de drogas e armas, além de veículos de carga que passam pela via serem alvo de frequentes assaltos.
"Há uma identificação por parte do Rio que, entre outras rodovias, mais especificamente a Via Dutra está servindo de canal de alimentação do Rio de drogas, armamentos, assalto a cargas, transportes, e tudo isso termina alimentando o sistema da organizãoes criminais", afirmou o ministro.
Ônibus queimados
O governo afirmou que o reforço para o Rio não se deve unicamente aos nove ônibus queimados nesta terça-feira (2) na Avenida Brasil. O ataque ocorreu após megaoperação da Polícia Militar para acabar com a guerra entre traficantes na Cidade Alta, comunidade em Cordovil, na Zona Norte.
De acordo com o ministro, o reforço da União leva em conta o quadro de insegurança que o estado vem apresentando nos últimos meses.
"Neste momento, claramente, o Rio de Janeiro precisa dessa mão amiga que o presidente está estendendo", disse Serraglio.

Por Gustavo Aguiar, G1, Brasília
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

RIO DAS OSTRAS 25 ANOS

RIO DAS OSTRAS 25 ANOS

PATROCINADOR

PUBLICIDADE