Famílias que invadiram fazenda em Casimiro de Abreu são retiradas por determinação da Justiça

Famílias que invadiram fazenda em Casimiro de Abreu,
são retiradas pela Justiça. Foto Reprodução
Cerca de 60 famílias que invadiram e estavam morando em uma fazenda em Casimiro de Abreu (RJ) foram retiradas da propriedade na manhã desta terça-feira (30) durante o cumprimento de um mandado de reintegração de posse expedido pelo juiz Rafael Alves, da 1ª Vara do município. De acordo com a Justiça, a invasão na Fazenda Santa Edwiges aconteceu há cerca de 10 meses.
A ação contou com o apoio da Polícia Militar. Segundo o comando da PM, não houve conflito durante a retirada das famílias. Muitas reclamaram que não tiveram tempo para se organizar antes de sair do local. Uma retroescavadeira foi utilizada para a remoção das estruturas que sobraram do assentamento. Já os caminhões recolhiam os pertences das famílias.
De acordo com o oficial de Justiça que cumpriu a reintegração de posse, a ordem judicial não prevê prazo de tolerância para as famílias deixarem a área e tem que ser cumprida imediatamente.
Segundo o dono do local, a fazenda é usada para a criação de gado. O coordenador do assentamento, Carlos Humberto Guilherme, no entanto, alegou que a terra é improdutiva.
"Me pegaram de surpresa, o povo meu ficou à deriva. Eu precisava que o prefeito me ajudasse para ver essa situação. Não tenho onde colocar essas pessoas. Elas precisam de ajuda", disse o coordenador.

Por G1, Casimiro de Abreu
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE