Escola de Rio das Ostras abre inscrições para cursos e atividades artísticas e esportivas para alunos e famílias

Segundo a diretora do Abdalla, Veny Rabelo, a ideia é oferecer
as atividades nos contraturnos dos educandos. O projeto já conta
com 400 alunos inscritos, 50 famílias e mais de 30 voluntários.
Fotos: Ákilla Ribeiro / Arte ROjornal
Ver a escola como espaço de proteção é a proposta do Projeto Integração/Comunidade aberto no último sábado, no Colégio Municipal Professora América Abdalla, em Rio das Ostras. O objetivo da escola é oferecer a comunidade local diversas atividades extracurriculares e pedagógicas, a fim de elevar as potencialidades e autoestima de alunos e famílias.

Durante a abertura do projeto, foram apresentadas várias demonstrações artísticas, culturais e esportivas. Dentro do cronograma do projeto, há atividades como capoeira, dança, futsal, jiu-jitsu, basquete, música, teatro, informática e até iniciação ao jornalismo.

Segundo a diretora do Abdalla, Veny Rabelo, a ideia é oferecer as atividades nos contraturnos dos educandos. O projeto já conta com 400 alunos inscritos, 50 famílias e mais de 30 voluntários.

“Queremos que os alunos e a comunidade vejam a escola como um espaço de integração, construção e descoberta de potencialidades. Nós só construímos cidadãos com Educação e todos têm que cuidar da escola e vê-la como um lugar de proteção mesmo. Essa inserção social é importante para todos”, destacou a diretora.

INTEGRAÇÃO COM A COMUNIDADE - Ainda de acordo com Veny, o projeto também integra família e escola com cursos e atividades de renda alternativa para pais e responsáveis inscritos no Programa Bolsa-Família. Para a comunidade, estão sendo oferecidas aulas de artesanato, culinária e renda sustentável, com apoio de voluntários e organizações não-governamentais, além do Pré-vestibular Social, em parceria com a Secretaria Municipal de Gestão Pública e Universidade Federal Fluminense.

A aluna do 8º ano do Ensino Fundamental do Abdalla, Giovanna Alves Martins, de 13 anos, já se inscreveu em três atividades: teatro, capoeira e iniciação ao jornalismo. “Gostei bastante do projeto e acho que essa é uma forma da escola incentivar mais os alunos a interagir, estudar e conhecer coisas novas. Espero aprender muito e levar tudo isso para a vida”, declarou a estudante.


As inscrições para o Projeto Abdalla Integração/Comunidade podem ser feitas na própria unidade de ensino.
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE