MACAÉ: Pais de bebê com doença degenerativa procuram ajuda para tratamento de R$ 3,2 milhões

A família tenta recorrer à Justiça para conseguir o tratamento estimado
em R$ 3,2 milhões, enquanto isso, em uma luta contra o tempo, os pais
do pequeno, têm buscado recursos para conseguir pagar o tratamento
 da criança. (Fotos: Arquivo Pessoal / Arte ROJO)
Aos três meses, André foi diagnosticado com AME tipo 1, tem poucos movimentos, sofreu uma parada cardiorrespiratória aos cinco meses e já fez duas cirurgias
Os pais de um bebê de oito meses, morador de Macaé, lutam contra o tempo para conseguir um remédio que pode conter os avanços de uma doença rara. Aos três meses de vida, André de Godoi, foi diagnosticado com a doença degenerativa atrofia muscular espinhal (AME) do tipo 1, que afeta os neurônios motores, ocasionando o enfraquecendo dos músculos e a perda dos movimentos.
O bebê hoje tem poucos movimentos, sofreu uma parada cardiorrespiratória aos cinco meses e já fez duas cirurgias (traqueostomia e gastrostomia). Segundo a família, a medicina deu a André, expectativa de vida de 2 a 3 anos.
A família tenta recorrer à Justiça para conseguir o tratamento estimado em R$ 3,2 milhões, enquanto isso, em uma luta contra o tempo, os pais do pequeno, têm buscado recursos para conseguir pagar o tratamento da criança. Eles estão fazendo uma campanha na internet para tentar reunir o valor, mas quanto antes André receber a medicação, mais condições ele terá de se reabilitar. O site do pequeno mobiliza doações voluntárias de amigos e desconhecidos.
O pai da criança, Wanderson Teixeira de Godoi, informou que a família já conseguiu R$750 mil através de doações, mas ainda é preciso de mais para o primeiro ano de tratamento do menino.
“Sabemos que é um alto custo, mas se cada um doar um pouquinho e compartilhar do nosso desejo, rapidinho alcançaremos nosso objetivo. Gostaria de agradecer a todos que até aqui tem nos ajudado com a campanha, fico até sem palavras pra agradecer tanta solidariedade, pessoas que sequer conhecem a gente e estão batalhando lado a lado para que consigamos o valor do medicamento”. Disse o pai.
Entre as campanhas para ajudar André, uma despertou de todos, foi à iniciativa de uma barbearia no Centro de Rio das Ostras. Na última terça-feira (28), o estabelecimento fez uma ação bem especial, todo o valor arrecadado através dos serviços da barbearia, foi revertido para ajudar André.
“Conversei com a família do André no domingo e perguntei se poderíamos ajudar desta forma, doando um dia de trabalho, eles acharam a iniciativa bacana e começamos. Fomos para as redes sociais, convidamos as pessoas para a campanha, que foi um sucesso. Todo o valor arrecadado na casa na terça (28) foi repassado para a família”. Disse Jhony Silva, proprietário da Barbearia.
Você também pode fazer a sua parte ajudando este bebê. Acesse o site: http://www.ameandre.com.br . Sua ajuda é essencial para que o André tenha a oportunidade de viver mais e com qualidade de vida.

Por Adriano Pereira
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE