Mãe chora dentro de van com crianças feridas por estilhaços de balas; 'meu marido morreu'

Homens são mortos e crianças feridas por estilhaços em
São Pedro da Aldeia (Foto: Renata Igrejas/Inter TV)
Dois irmãos foram mortos a tiros dentro de casa na manhã deste domingo (9) em São Pedro da Aldeia. Mulher correu para a RJ-106 com as crianças para pedir socorro.
A mãe de duas crianças que foram atingidas por estilhaços de balas durante o assassinato de dois jovens dentro de casa neste domingo (9) em São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos do Rio, se desespera dentro da van que levou as vítimas para a UPA. No vídeo gravado por uma passageira, a mulher diz que "ele (o menino) tomou uma bala perdida de raspão. Minha filha tomou uma na perna". Ela buscou ajuda depois que um grupo invadiu a casa e matou o marido dela, de 22 anos, padastro das crianças, e o irmão, de 17.
O crime aconteceu no bairro Botafogo por volta das 8h30. Segundo a Polícia Militar, mais de 20 tiros foram disparados. Nas imagens, a mulher relata que teve dificuldade para acionar o socorro porque o telefone não tinha sinal. Ela chora e conta que o marido e o irmão dele foram mortos. A mãe dos meninos foi para a margem da RJ-106, onde entrou na van, que seguiu para a UPA.
A passageira da van que gravou o vídeo contou que as crianças estavam assustadas e sangrando. Ela disse ainda que a mãe estava acompanhada de outra mulher.
"As mulheres estavam na beira da estrada e começaram a gritar que as crianças estavam feridas. Quando elas entraram, contaram que os homens estavam mortos dentro de casa", relatou a passageira.
Segundo informações apuradas pela equipe de reportagem da Inter TV na porta da unidade de saúde, as crianças, assim como a mulher, tiveram ferimentos leves, foram medicadas e fizeram curativos. Segundo informações da família, que estava no local, a menina foi liberada ainda na tarde deste domingo. O G1 aguarda informações da Secretaria de Estado de Saúde sobre a outra criança.
O G1 entrou em contato com a Polícia Civil, por meio da assessoria de imprensa, e aguarda informações sobre a possível motivação e as circunstâncias do crime. Segundo a Polícia Militar, dentro da casa foram encontradas drogas e material para embalar entorpecentes. Nenhum suspeito foi detido. O caso é investigado na 126ª Delegacia de Polícia, em Cabo Frio.

Por Juan Andrade e Fernanda Soares, G1, São Pedro da Aldeia
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE