Educação de Rio das Ostras revisa plano de políticas públicas

Representantes da sociedade civil organizada e da Prefeitura
se reúnem para rever PAR.  Fotos Allexandre Costa
Rio das Ostras está revendo o Plano de Ações Articuladas – PAR, planejamento da política pública da Educação que vai reger o município até 2019. Elaborado a cada quatro anos, com a participação de gestores, professores e comunidade, o PAR possibilita que o Ministério da Educação transfira recursos aos estados e municípios para execução das ações, sem a necessidade de firmar convênio, ajuste, acordo ou contrato.

Os encontros do Comitê Local do PAR em Rio das Ostras estão acontecendo semanalmente. Participam do grupo representantes da Secretaria de Educação, do Conselho Municipal de Educação, dos supervisores escolares, dos professores da zona urbana e da zona rural, do quadro técnico-administrativo das escolas, dos coordenadores escolares, dos diretores de unidades de ensino, dos conselhos escolares e do gestor municipal.

Ações Articuladas - O Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE) condicionou o apoio técnico e financeiro do Ministério da Educação à assinatura, pelos estados, Distrito Federal e municípios, do plano de metas “Compromisso Todos pela Educação”.  A etapa seguinte, após a adesão ao Compromisso, era a elaboração do Plano de Ações Articuladas (PAR).


Desde a sua implantação, em 2007, o PAR proporciona um canal de comunicação permanente entre os estados e os municípios com o Ministério da Educação. O Plano deve contemplar as seguintes dimensões: Gestão Educacional; Formação de Profissionais de Educação; Práticas Pedagógicas e Avaliação; e Infraestrutura e Recursos Pedagógicos.
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE