Delegados da PF veem com preocupação troca de ministro

© Antonio Cruz e Marcelo Camargo Osmar Serraglio
 e Torquato Jardim
A Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) divulgou nota informando que vê com preocupação a troca do titular do Ministério da Justiça. O presidente Michel Temer nomeou o ministro Torquato Jardim para o ministério.
A pasta era comandada por Osmar Serraglio, que vai para o Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União, antigo posto de Jardim.
“Os delegados de Polícia Federal foram surpreendidos com a notícia da substituição, até mesmo porque desconhecem qualquer proposta de Torquato Jardim para a pasta. É natural que qualquer mudança no comando do Ministério da Justiça gera preocupação e incerteza sobre a possibilidade de interferências no trabalho realizado pela Polícia Federal”, informa a nota assinada por Carlos Eduardo Sobram, presidente da ADPF.
Para resolver esta situação e evitar dúvidas, segundo ele, é fundamental que seja aprovada a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que garante a autonomia funcional, administrativa e orçamentária à Polícia Federal.
“Além da autonomia, também é essencial que seja instituído o mandato para diretor-geral da PF, de modo que mudanças de governo ou de governantes não reflitam em interferências políticas, cortes de recursos e de investimentos que prejudiquem as ações da Polícia Federal.”

Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE