500 mil já assinaram pedido de impeachment de ministros do STF, Gilmar Mendes, Toffoli e Lewandowski

Um abaixo-assinado pedindo o impeachment dos ministros
do Superior Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes,
Dias Toffoli e Ricardo Lewandovski . Divulgação
São Paulo – O abaixo-assinado online que pede o impeachment dos ministros Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), já reúne mais de 500 mil assinaturas.

A petição, que foi publicada na última quarta-feira (3) no site Change.org, será encaminhada ao Senado Federal.

O pedido de saída dos ministros é uma resposta a decisão de liberar da prisão o ex-ministro do governo Lula, José Dirceu.

O petista ficou preso temporariamente por quase dois anos no âmbito da Operação Lava Jato – ele foi condenado a 32 anos e um mês pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e associação criminosa.

Os ministros do STF, porém, consideraram que a manutenção da prisão preventiva de Dirceu, sem uma condenação em segunda instância, seria uma ilegal antecipação do cumprimento de pena.

Segundo o autor do abaixo-assinado, as recentes decisões dos parlamentares contrariam a lei e a ordem constitucional do país.

“A recente soltura de Réus como José Dirceu e Eike Batista demonstra o descaso com o crime continuado e a obstrução à justiça que, soltos, eles representam”, diz o trecho do documento.

A meta é chegar a 1 milhão de apoiadores – faltam apenas 481 mil.


Exame.com
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

RIO DAS OSTRAS 25 ANOS

RIO DAS OSTRAS 25 ANOS

PATROCINADOR

PUBLICIDADE