Rio das Ostras lança projeto em forma de game para incentivar aprendizado

Desenvolvido pela Coordenadoria da Casa da Educação,
 o M@is 5 foi apresentado a quarta, dia 26, aos professores
 orientadores da Rede Municipal.  Fotos Mauricio Rocha
Ferramenta auxilia no desenvolvimento dos alunos do 5º ano e pode ser trabalhada em sala de aula e em ambiente virtual

Uma nova ferramenta de estímulo ao aprendizado está sendo lançada pela Prefeitura de Rio das Ostras. O Projeto M@is 5, disponível para acesso e download na plataforma virtual organizada pela Secretaria de Educação, vai preparar melhor os estudantes do 5º ano do Ensino Fundamental, inclusive para processos avaliativos como a Prova Brasil, do Governo Federal.

Desenvolvido pela Coordenadoria de Formação e Acompanhamento Pedagógico – Casa da Educação, o M@is 5 foi apresentado a quarta, dia 26, aos professores orientadores da Rede Municipal. Na reunião, que aconteceu no auditório da Secretaria de Educação, o professor de História e desenvolvedor web Daniel Gomes Aguiar falou como funciona e quais são os objetivos do projeto.

“Os professores do 5º ano do Ensino Fundamental vão trabalhar os módulos em sala de aula da forma como acharem mais adequada. Ao final de cada módulo, os alunos participarão de um game para avaliar o aprendizado alcançado. Na plataforma virtual, disponível para ser acessada em casa com o auxílio dos pais, o estudante poderá aprofundar ainda mais o aprendizado”, afirmou Daniel.

O primeiro módulo estará disponível na plataforma a partir do dia 5 de maio. Novos módulos, totalizando 12, vão ser lançados a cada quinzena. Por intermédio do programa, serão envolvidas 21 unidades de ensino e mais de 1,8 mil alunos do 5º ano do Ensino Fundamental.

Todo material do M@is 5 apresenta conteúdos de Língua Portuguesa e Matemática exigidos pela Prova Brasil e o Referencial Curricular de Rio das Ostras (Recro). Para auxiliar no aprendizado são disponibilizados vídeos e textos. Ao final de cada módulo é realizada uma avaliação em forma de game com cartão-resposta, para que o aluno se familiarize com esse último instrumento.

“Nossos estudantes aprendem também a gerenciar o tempo, já que definimos os minutos disponíveis para cada resposta. O grau de dificuldade será aumentado gradativamente. Em cada módulo ampliaremos o número e a complexidade das questões”, completa o desenvolvedor web.


Os cartões-respostas serão recolhidos e os resultados disponibilizados online por turma e escola no Sistema Integrado de Formação e Acompanhado Pedagógico (Sifap). Dessa forma, a Secretaria de Educação poderá fazer um diagnóstico dos alunos do 5º ano, que este ano fazem a Prova Brasil, e traçar estratégias de desenvolvimento do aprendizado.
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE