Prefeitura de Rio das Ostras abre programas de Orçamento Participativo

Programas de Orçamento Participativo, principalmente o OP Jovem,
 trouxeram muitas conquistas. Foto: Akilla Ribeiro
Trajetória dos Programas de Orçamento Participativo foi destaque em evento

Ética, Cidadania e Responsabilidade Social serão as engrenagens dos Programas de Orçamento Participativo e Orçamento Participativo Jovem, que foram abertos oficialmente na noite desta quinta-feira, dia 6, em Rio das Ostras. O evento foi realizado na Câmara Municipal, com presença da sociedade civil, estudantes e secretários municipais.

Tratam-se de programas iniciados em 1998, que trouxeram uma história de grande participação cidadã no Município e, que agora, serão retomados. Durante a abertura, a subsecretária de Planejamento, Rosemarie Teixeira, que já participou ativamente dos projetos na época, falou um pouco da trajetória dos programas em Rio das Ostras e como serão realizados os trabalhos daqui para frente.

“Nossos programas de Orçamento Participativo, principalmente o OP Jovem, trouxeram muitas conquistas. Estamos abrindo a participação para receber as demandas e reivindicações. Foi uma história muito bonita, que estimulou o trabalho em outros países e, que queremos e vamos resgatar”, ressaltou.

Para o Orçamento Participativo Adulto, segundo Rosemarie, a novidade para este ano é a realização do Fórum de Prioridades, onde serão apresentadas as demandas eleitas nas reuniões setoriais e consideradas as avaliações técnicas advindas da Unidade Orçamentária referida. O Fórum acontece no mês de agosto.

O presidente do Conselho de Orçamento Participativo, Pablo Medeiros, disse que os membros do Conselho vêm se reunindo desde janeiro e que o momento é de parcerias entre os setores. “Somos um elo da sociedade com o governo e queremos soluções e possibilidades de melhorias. Por isso, o envolvimento de presidentes de associações, sociedade civil, jovens, empresários e poder público é muito importante”, destacou.

PROGRAMA OP JOVEM - Já o Programa OP Jovem tem a estimativa de participação de 29 mil alunos das redes municipal e particular. Este ano, o programa ganhou uma grande parceira, a Junior Achievement, que é a maior e mais antiga organização de educação prática em negócios, economia e empreendedorismo do mundo. E, atualmente, presente em 120 países e, no Brasil, possui unidades em todos os Estados e no Distrito Federal.

A diretora da unidade no Rio de Janeiro, Camila Aguiar, esteve presente ao evento, e disse que ficou encantada com a história dos programas em Rio das Ostras. Na ocasião, ela falou um pouco da metodologia que será usada no programa que é sobre Ética.

“O projeto casa totalmente com o Orçamento Participativo Jovem, pois é baseado na ação, no fazer acontecer. É um grande desafio, mas vamos trabalhar juntos e construir uma nova história de sucesso para os jovens e sociedade como um todo”, acrescentou.

GESTÃO PÚBLICA – A secretária de Gestão Pública de Rio das Ostras, Márcia Almeida, destacou, ainda, a atual condição financeira do Município e importância dos programas para o prefeito Carlos Augusto, que nasceram no ano em que presidia a Câmara de Vereadores.

“Temos um grupo de servidores muito participativo e temos caminhado com comprometimento, força de vontade e parcerias. Às vezes, o investimento humano nos projetos sociais são tão importantes quanto os financeiros, para nosso crescimento. Tivemos momentos de muito riso e choro com estes programas, mas muitas conquistas também. Agora é um processo contínuo de criação e envolvimento real de todos”, completou a secretária.

O evento também contou com a presença de vereadores, secretários municipais, da vice-presidente do Conselho da Executiva do Orçamento Participativo, Mariza Dias, e do presidente da Associação de Empresários da ZEN, Roberto Chedid Filho.
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE