Justiça expede alvará para prisão domiciliar de mulher de Cabral

A Justiça Federal expediu nesta quarta (29) o alvará de soltura "para fins de prisão domiciliar" da advogada Adriana Anselmo, mulher do ex-governador Sérgio Cabral.
 A determinação acontece após a Polícia Federal realizar uma vistoria no apartamento do casal nesta terça (28) para garantir que o imóvel cumpra os pré-requisitos para a prisão domiciliar.

Adriana Ancelmo ganhou o benefício de cumprir prisão domiciliar no apartamento que fica no Leblon, na Zona Sul do Rio, desde que a casa não tivesse telefones fixos, celulares e acesso à internet, o que foi verificado pela PF.
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE