Editorial

A mudança.            
Acabou 2016 e começou a mudança que todos esperavam para 2017. Hoje há certeza que a mudança faz o seu papel literalmente, embora seja uma palavra significativa para a sociedade, algumas pessoas ainda relutam em acreditar naquilo que veem.
A população de Rio das Ostras passou por uma gestão que todos acreditavam que haveria uma mudança que deixasse seus cidadão orgulhosos, nas mídias informando de como era bom morar nesta cidade onde tudo era subvencionado pelos Royalties. De fato houve uma mudança, mas uma mudança para pior. O gestor anterior, que nem vale a pena citar o nome, deixou sua marca registrada de improbidade administrativa, ou melhor, de destruição, fato comprovado na área da saúde (pra não falar também de outros setores), secretaria por onde passaram e passam milhões de reais.
Um cidadão quando decide ser político e assume o poder após vencer as eleições já sabe o que vai enfrentar durante sua gestão. Mas o político que estava na gestão anterior também já sabia o que tinha que fazer quando assumisse o mandato, parece um trocadilho, mas são duas ações diferentes.
Há males que vem para o bem, porque de fato muda a características de uma cidade, as oportunidades são apresentadas para que sejam realizadas, e os eleitores fizeram sua escolha.
Rio das Ostras mostra mais uma vez que está mudando. Percebemos a mudança por mais insignificante que outros vejam, mas cabe esperar para confirmar a mudança de fato. Hoje é realidade, estamos e continuaremos na fase da mudança, só basta saber a direção dessa mudança.   
Vamos observar a mudança pelo lado mais singelo de vida, aquela que Deus permite que seja.

E vamos que vamos!
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE