Plataforma P-32 tem princípio de incêndio na Bacia de Campos

Segundo o Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense
 (Sindipetro/NF), trabalhadores informaram que as a chamas
 chegaram a dois metros de altura em cabeamentos elétricos.
Segundo a Petrobras, ninguém se feriu durante o incidente da sexta-feira (4) no Campo de Marlim.
A plataforma P-32 teve um princípio de incêndio na noite desta sexta-feira (4) no Campo de Marlim, na Bacia de Campos, no Norte Fluminense do estado. Segundo a Petrobras, um curto circuito ocorreu no cabo de uma luminária que fica na área externa de um dos tanques de armazenamento em manutenção provocou o incidente. De acordo com a empresa, ninguém ficou ferido.
Ainda segundo a Petrobras, a emergência foi acionada e o incêndio foi combatido. No entanto, informou que a brigada de incêndio não precisou atuar. A empresa ainda afirmou que "está comunicando o fato às autoridades competentes e vai apurar as causas do ocorrido".
Segundo o Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro/NF), trabalhadores informaram que as a chamas chegaram a dois metros de altura em cabeamentos elétricos. De acordo com o sindicato, a produção ficou parada após o incidente.
"Não compactuaremos com esses crimes e solicitamos que os cipistas façam uma reunião extraordinária, além de que acompanharemos de perto esses desdobramentos", afirma o coordenador geral do Sindipetro, Tezeu Bezerra.
No dia 10 de junho, a proteção de segurança de uma escada se desprendeu no convés da mesma P-32. Já no domingo (11), houve, também, um princípio de incêndio às 22h28 na mesma plataforma. Ninguém se feriu.

Por Juan Andrade, G1, Campos dos Goytacazes
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE